Grande Experiência

 Confraria dos Contos Eroticos
Conheci Cátia(nome fictício) em uma festa, apresentada por minha irmã, eram colegas de Faculdade . Senti um tesão natural por ela, linda, aproximadamente 1,65m, toda certinha olhos e cabelos castanhos claros e um bronzeado que me deixou imaginando o tamanho do biquíni. Conversamos muito, mas nessa noite nada rolou.

Nossas vidas prosseguiram sem maiores contatos até que num fim de semana prolongado veio uma oportunidade. Minha irmã organizou um encontro da turma em uma casa de praia, não precisa dizer que me candidatei na hora pra ir também. Era uma casa grande, cedida por um amigo da família, que não iria utilizá-la nesse fim de semana, após nos instalarmos, fomos para a praia, pegar um solzinho(Cátia também estava com a gente, éramos ao todo, cerca de oito pessoas), lá na areia, pude apreciar o visual de minha musa, ela estava usando um fio dental, todo rendado(aquele de cordinhas) estava demais!

Apesar da emoção, me controlei pensando que não podia tomar uma iniciativa mais ousada, porque até ali não havia havido clima(minha irmã, sempre por perto). Tomamos algumas cervejas, dançamos, enfim, uma festa, fomos dormir tarde(alguns casais se formaram...), e enquanto eu estava deitado na rede, imaginem o que me acontece? Sinto alguém me cutucar por baixo, levei o maior susto, pesando que era minha irmã( ela estava com o namorado e eu tinha ficado só nesse quarto) quando vou dar a maior bronca, eis que vejo Cátia, com a maior cara de safada, rindo

Ainda cheguei a pensar que estava sonhando, mas não, era mesmo verdade, ela falou que estava morrendo de tesão e tinha reparado nos meus olhares na praia, o que eu pude pensar??? Nos beijamos na hora , tiramos a roupa e eu comecei a beijar todo aquele corpo lindo da cabeça aos pés, queria ver aquela gata gozar, gozar muito, fui descendo pelo pescoço, pelos seios que já estavam com os biquinhos duros e fui descendo por seu ventre até chegar em seus pelos pubianos, ai foi que vi algo inusitado, Cátia tinha o maior clitóris que já havia visto na vida era do tamanho do meu dedo mindinho e já começava sair  aquela pelezinha.

Cai de boca chupando até que ela gozou, uma, duas vezes, parei pra olhar seu grelo de novo, ele estava totalmente pra fora, maior do meu dedo mindinho e bem grosso, vermelho e pulsante, confesso que nunca tinha encontrado uma mulher com essa característica e fiquei ainda mais excitado, com o pau duro penetrei sua vagina, trepamos como loucos, até que aquela gata no cio me fez gozar em sua boca.

Ficamos grudados o fim de semana e emendamos um namoro, que durou até a pouco tempo, quando ela viajou para o exterior, para fazer pós graduação, ainda nos correspondemos e somos bons amigos. Gostaria de encontrar uma gata que tenha o clitóris avantajado, pra trocar experiências, quero saber se toda mulher com essa característica(que adoro) tem realmente mais tesão, pois eu vou falar, nunca encontrei ninguém com o mesmo fogo que Cátia.

Conto erótico recebido por email – autor anônimo

0 comentários:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget