Transei com Minha Melhor Amiga

Ola Pessoal, hoje acordei um pouco mais tarde, pois só tinha as ultimas aulas. Lá estava eu deitada na minha cama, nua debaixo dos cobertores, fiquei curtindo a preguiça e brincando com minha xoxota, a brincadeira evoluiu e cabei gozando gostoso. Levantei-me, tomei um banho e fui pra minha aula. Na saída encontrei umas amigas e uma delas. Juliana me convidou para almoçar na sua casa, como não tinha nada pra fazer acabei aceitando.

Terminado o almoço, rumamos para minha casa para aprontarmos um trabalho de matemática, pois como fico sozinha o dia inteiro, fica melhor aproveitar o silencio para estudar. Chegamos lá, Ju ficou na sala enquanto fui trocar de roupa.

Estava no meu quarto só de calcinha, fio dental, quando vejo Ju parada na porta me olhando com uma cara muito safada, ele chegou mais perto e disse que me achava muito gostosa, dei uma risada e tirei minha calcinha e foi ai que levei um susto, quando me curvei senti sua mão na minha bunda e descendo até meu cu terminando por chegar na minha buceta, nossa, me arrepiei toda, me levantei e olhei para ela, ela chegou mais perto e começou a me beijar na boca, sua língua procurava a minha, senti sua mão na minha buceta e a outra tocar no meu seio, fiquei molhada na hora.

Decidi entrar na brincadeira e comecei a despir minha amiga enquanto sentia seus dedos já entrarem e saírem da minha buceta, logo estávamos nuazinhas, sua bucetinha com poucos pelos fechadinha, ela me deitou de costas na cama, ajoelhou-se, levantou minhas pernas e começou a me chupar, que delicia, sua língua entrava fundo na minha buceta, mordiscava meu grelo quase me levando ao gozo, dai ela parava, vinha e me beijava, eu podia sentir o cheiro e o gosto da minha buceta na sua boca.

Ju descia novamente, levantava minha pernas e desta vez primeiro ficava chupando meu cu por alguns minutos e logo em seguida sentia sua língua penetrar meu rabinho ao mesmo tempo que seus dedos entravam e saiam da minha buceta, não agüentando mais gozei forte, dei um gemido alto e me contorci toda em cima da cama, que loucura, ela me beijou novamente e deitou ao meu lado, me virei e comecei a chupar seus peitinhos e fui descendo pela sua barriga chegando até sua xota, comecei a brincar com minha língua no seu grelo,

Ju se abriu toda, escancarando sua xota, me coloquei no meio de suas pernas, afastei os lábios da sua buceta com os dedos e comecei a chupá-la, enfiava minha língua sentindo o gostinho do seu liquido que saia.

Pedi então para que ficasse de 4, empinando bem a bunda, Abri suas nádegas deixando seu cuzinho pronto para receber minha língua, enfiei o mais fundo que pude arrancando um gemido abafado, Ju rebolava como uma doida. Fui até minha gaveta e peguei meu vibrador, uma replica perfeita de um pau de 22cmx5, meu amigo de todas as horas, passei um pouco de creme e voltei para cama,

Comecei então a enfiar na sua buceta, ju deu um grito e logo estava tudo dentro dela, Ju estremecia de tesão, sua buceta pingava, enquanto enfiava o vibrador nela, enfiava minha língua no seu rabo. De repente ela pede para que eu enfie no seu cu, tirei o vibrador todo melado de sua buceta e então comecei a forçar a entrada do seu cu que foi se abrindo e engolindo tudo.

Ju berrava com a cabeça enfiada no travesseiro, logo estava tudo dentro e iniciei o movimento de vai e vem Ju não agüentou e gozou, sua buceta escorria o gozo, o qual lambi tudo, tirei o vibrador do seu rabo que ficou piscando, Ju deitou ainda com a respiração ofegante, deitei ao seu lado e ficamos abraçadinhas curtindo o tesão.

Depois de algum tempo, tomamos uma ducha e finalmente fomos fazer o trabalho. Hoje ela vem dormir aqui depois de uma festa, portanto, já imaginem que vai rolar, só vou ter que tomar cuidado com minha mãe que tem o sono leve, hehehe.

Beijos a todos

Conto erotico recebido por email - autor anônimo

1 comentários:

Anônimo disse...

Looooooool, lindo. :D

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget