Comi o Meu Amigo do MSN

Bom galera, esta história rolou tem uns 2 ano já. Durante muito tempo conversei com um amigo na internet, falávamos sobre muita coisa, inclusive sexo. Eu sempre dizia o que rolava comigo, mas sem contar detalhes, e meu amigo Leandro fazia o mesmo.

Leandro é mais novo que eu, tinha na época seus 20 anos e eu tinha 24... Ele sempre me avisava no MSN "estou vendo putaria... vou socar uma já já". Sempre ri das piadas, zoava ele, abria um pornô e socava uma também. O detalhe é que nunca nem eu, nem ele falamos o tipo de filme que assistíamos para bater e gozar.

Certa noite, o chamei no MSN, começamos a trocar idéias, falar besteiras, transferir mp3 um pro outro, até que o Leandro me avisa:

- Achei um vídeo legal aqui!Vou bater uma. - Eu sem imaginar o que estava por vir, disse:
-Opa, manda o link! Quero ver se o seu vídeo é bom!
- Ih cara, nem rola! Ache um para você aí - disse Leandro.

Fiquei sem entender a atitude dele, pois sempre falávamos de putaria e filmes pornôs, porque ele não poderia me mandar o link do filme?

- O Leandro deixa de bobeira, manda aí. Quero gozar também, mas estou com preguiça de procurar um.
- Nem Felipe, você não vai curtir meu vídeo - Fique cismado com o que ele disse, e retruquei:

- Porque eu não gostaria? É sexo com animais? Gente morta? É vídeo gay? kkkk
- OK, vou passar , mas não reclama depois! - disse o Leandro

Ele enviou o link, cliquei para abrir e descobri que o Leandro via os mesmo filmes que eu via: filmes gays!

- Eita Leandro... Filme gay cara! Você curte mesmo?
- De boa, curto sim, você que pediu para ver, não me sacaneia agora
- Sossegado Leandro, de boa...

Não sei o que ele pensava realmente no momento, mas eu fiquei contente e já comecei a ver o vídeo imaginando eu traçando meu amigo, afinal agora eu sabia que ele também curtia! Vi uns trechos do vídeo, fique duraço e chamei meu amigo de novo.

- E aí Leandro? Faz tempo que tu curte cara?
- Sempre curti!
- Não parece cara, to falando de boa!
- Tranqüilo Felipe, não precisa rebolar pra gostar de homem né?
- É sim Leandro, você tem razão.

Passamos alguns momentos em silêncio, eu precisava dar um passo na conversa!

- Me fala uma coisa Leandro. Você já pegou muitos caras?
- Não Felipe, poucos, nem sou de sair muito.

Fique ali no quarto, pensei , pensei e achei uma forma de dizer que eu também curtia. Entrei no site pornô, escolhi um vídeo e mandei para ele ver.

- Leandro pega esse link....Achei esse vídeo mais da hora do que o que você me mandou!
- Ahushaushau lá vem piada com minha cara né, vou abrir.

Fique ali na frente do PC, tenso! Esperando ele dizer algo. Logo vejo no MSN que ele estava digitando.

- Caralho Felipe! Você também curte cara?
- Curto sim Leandro Como tu se abriu e falou... Resolvi falar também
- Muito bom o vídeo que você me mandou hein? Tô de pau duro aqui... Quer ver?

Pensei, pensei...

- Bora... Deixa eu ver
- Beleza, mas quero te ver duro também! Abre sua cam.
- Ok. vou ligar.

Ligamos a cam... Ríamos sem graça um para o outro, então ele abaixou a cam em direção ao pau e eu também. Meu amigo estava muito duro, um pau grosso, babando já... Ele batia e me mostrava a baba do pau dele. Eu fiquei louco de tesão, comecei a bater mais forte...Ele elogiava meu pau dizendo:

- Cara! Que pau lindo que você tem Felipe! Seu saco, nossa.... Quero te chupar, topa? - disse o Leandro

Fiquei meio perdido na hora, mas topei. Já era tarde, por volta de 1 hora da madrugada, mas o tesão era muito.

- Felipe? Tem moral de vir aqui em casa agora?
- Agora Leandro? Seus pais estão em casa não estão?
- Estão sim, mas dormindo. O quarto deles tem a janela voltada para o quintal..Eu te chupo aqui na garagem, ninguém vê.
- Beleza... To muito louco de tesão cara.

Fechei o MSN, esperei o pau dar uma amolecida para fechar a calça, e saí em direção a casa dele. Lembro que era essa mesma época do ano, estava frio, eu cheio de roupas, caminhando na madrugada pra chegar até a casa do Leandro. Saí de casa sem bater o portão para ninguém ouvir.

Quando estava a uma quadra da casa dela, moramos perto, liguei para o celular e avisei que estava quase lá. Bem de frente para casa, o Leandro abriu um fresta do portão e gesticulou para que eu entrasse. Eu estava nervoso, era um mistura de pânico com tesão, meu pau ficou duro dentro da calça durante a caminhada, só de pensar no que iria rolar em alguns minutos.

Entrei na casa dele, tudo em silêncio, e nos ajeitamos atrás do muro, não tinha como alguém ver a gente ali, só tínhamos que ficar quietos.

- Leandro, que louco isso! Não acredito que vamos fazer isso mesmo.
- Eu também estou achando estranho Felipe... Mas vamos relaxar

Ele puxou minha cabeça, encostamos os lábios um no outro e começamos a nos beijar. Eu perdia o fôlego rápido de nervoso que eu estava, mas o tesão só aumentava. Aquele beijo estava sendo o melhor de todos até aquele dia na minha vida. A barba por fazer do Leandro esfregando na minha barba, e o beijo não terminava, alisávamos o rosto um do outro, e beijava de novo, Leandro se afastou e disse:

- Porra cara., que tesão que eu estou!

Voltamos a nos beijar... Grudei o corpo dele no meu, coloquei a mão da bunda dele e puxei ao meu encontro, estávamos de pau totalmente duro, a gente se agarrava com força Coloquei as mãos por baixo da camiseta dele, estava frio, ele arrepiou todo, alisei o peito dele, deslizei nas costas, enfiei as duas mãos na calça dele e apertei a bunda do Leandro...que bunda gostosa!

Subi minha mão nas costas dele novamente, ergui a camiseta e comecei a beijar o peito dele... sua barriga....subi para a boca novamente....dei um passo para trás para observar...desci a calça do pijama dele...a cueca branquinha dele, tipo sunga, já molhada, ele tava louco de tesão...

- Me deixa conferir ao vivo agora Leandro
- Vai Felipe... vai

Botei a mão no pau dele por cima da cueca, puxei o elástico e enchi a mão! O pau dele todo babado, escorregando na minha mão, ele me agarrou e me beijou, enquanto abria minha bermuda... o tesão estava a mil..Eu batia punheta pro Leandro e ele me beijava com tesão... Até que ele me empurrou baixou minha cueca de uma vez só e pegou meu pau!

Segurou firme. começou a punhetar bem lento, e beijava, beijava...Ele alisava meu pau, meu saco, mordia meus lábios....eu fazia o mesmo com ele, Leandro parecia que ia gozar a qq momento...e eu estava me segurando muito pra não gozar, mas estava difícil segurar.

Nos abraçamos, nossos paus se tocaram, ficamos esfregando um no outro em quanto nos beijávamos... Ergui a camiseta dele e a minha para que nosso corpo tivesse mais contato... Leandro cortou o beijo....alisou meu pau com a mão e ajoelhou....me encarou, punhetou um pouco e começou a me chupar!....Eu explodi de tesão essa hora. Meu pau já estava todo melado, e ele me chupando com gosto. lambia cada parte, beijava minhas bolas, engolia de novo meu pau....

Pedi pra ele abrir bem a boca, segurei sua cabeça e comecei a foder a boca dele... meu pau tem 20 cm, ele não agüentou e logo tirou a boca...e voltou a chupar devagar e com gosto.Eu estava quase gozando....

- Vou gozar... calma.......deixa eu te chuparrrr também

Leandro se levantou e eu me ajoelhei...

Ajoelhei na frente do Leandro e me preparei, era o meu amigo de pau duro na minha frente... não fiz cera não...cai de boca logo!Chupava ele com gosto, sugava a cabeça do pau dele, melada... sentia o gosto do pré-gozo dele na minha boca...ele tinha o prepúcio grande...e era um delicia chupar, lambia tudo, massageava o saco dele quanto lambia a cabeça do pau ....ele gemia e apertava minha nuca em direção ao seu pau...a rola do Leandro não era tão grande, tentei botar tudo na boca...respirei fundo e engoli...senti os pentelhos dele bateram na minha boca e nariz. Ele gemeu alto e deu um tranco, eu engasguei kkkkkk.

Punhetei ele enquanto recuperava o fôlego, e voltei a lamber a cabeça do pau dele, corri para o saco, lisinho, sem pelos... bolas grandes... Eu lambia o saco dele e punhetava gostoso... virei ele de costas e beijei a bunda...ele puxou minha cabeça pela nunca e esfregou minha cara bem no meio da bunda ....abri a boca e dei uma lambida no cuzinho do Leandro...na mesma hora ele se arrepiou todo.... Fiquei ali, massageando o saco dele, e dando lambidas no cuzinho... enquanto me punhetava com a outra mão..

Levantei e deixei ele de costas para mim ainda. comecei a esfregar meu pau na bunda ele....encaixava e simulava uma metida...que tesão!!!Ele voltou de frente pra mim, me punhetou, me beijou, disse que tava adorando e me virou de costas. suas mãos se esfregavam no meu peito, enquanto sua rola roçava minha bunda...tava muito bom aquilo tudo...ele abaixou, abriu minha bunda e meteu a língua....fui ao céu..que tesãooooooooooo

Eu me punhetando enquanto o Leandro chupava meu cuzinhooo... Virei de frente para ele outra vez e meti a vara na boca dele...ele chupou e eu quase gozei pela segunda vez....já não agüentava mais segurar...queria gozar logo. Foi quando o Leandro levantou,.virou de costas para mim, se esfregou em meu corpo...e sussurrou :

- Me fode Felipe... vai me fode!

Encoxei o Leandro, fiquei roçando meu pau na bunda dele... tava muito duro....ele se curvou e apoiou as mãos em um vaso perto da gente, eu cuspi na mão e passei no cuzinho dele...lambuzei....e forcei um dedo....as pernas do garoto deram uma tremida nessa hora.Fiquei fazendo um vai e vem com o dedo, enquanto ele se punhetava...

Depois de alguns minutos assim... Cuspi no meu pau... e comecei a esfregar o pau na entrada do cuzinho do Leo, eu tava com muito tesão, quase gozando só de começar a penetrar.Tava indo devagarzinho...forçando aos poucos...respirando para não gozar ali, de tanto tesão que eu tava.

Nessa hora Leandro levantou o corpo e trouxe perto de mim, e meu pau entrou todo de uma vez só, as pernas do meu amigo ficaram moles e ele segurou em mim gemendo... foi tudo...curvei ele de novo em direção ao vaso, para ficar de quatro, e comecei a bombar...não demorou muito para gozar, eu tava muito ,muito excitado.

Travei-o bem junto ao meu corpo... nós dois em pé...eu esfregando minhas mãos no peito dele...comecei a gozar, dava trancos dentro dele....o Leandro gemia...e apertava o pau enquanto punhetava...Gozei tudo dentro....e tava com tesão ainda....cada vez que penetrava e sentia meu pau arregaçar dentro do meu amigo, eu ficava ainda mais louco...continuei bombando

Leandro me chamou e disse que ia gozar... Inclinou seu corpo sobre o meu, apontou o pau lindo dele para a barriga e jorrou jatos de porra... muitosssss muitosssseu com o pau dentro dele, ajudei ele a punhetar...ele tremia todo.......tirei meu pau do cuzinho do Leandro, e chupei aquele pau gozado do meu amigo...delicioso....

Levantei, e nos beijamos de novo... Enquanto isso nossos corpos se grudavam de novo...se esfregava, o pau do Leandro e o meu já foram ficando moles depois da gozada...e mesmo assim um ficava pegando no do outro ainda. Leandro subiu a cueca... começou a rir....

- Que foi cara? Porque tá rindo?
- To sentindo sua porra escorrer... que tesãooo...mas é engraçado

Comecei a rir também. já estávamos vestidos...juntei ele na parede e demos outro longo beijooo Já estava muito tarde... E tinha que voltar pra casa... saí devagar da casa, e voltei correndo pro meu ninho. Cheguei em casa e bati uma ainda só de lembrar, tinha sido muito bom... Antes de dormir abri meu MSN, tinha um recado do Leandro "Adorei, muito bom mano... vamos repetir"... Respondi na hora "vamos sim... nos falamos amanha... boa noite”.

Conto erótico recebido por email by Felipe

0 comentários:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget