Sexo Também é para Macho

Tudo começou quando fui à casa de um amigo da faculdade,estudar geometria, seus pais haviam viajado e ele estava só. Assim que acabamos de rever toda a matéria para a prova, le sugeriu que alugássemos uns filmes pornôs e assim fizemos. Chegando de volta á sua casa fomos logo colocando o filme e para nossa surpresa o filme estava trocado e começou uma cena de dois caras transando.

Eu fiquei parado, mas disse a ele que deveria fazer parte do filme. Então adiantamos um pouco para ver se tratava mesmo de outro filme e se tratava! Era um filme de homens com homens, na mesma hora ele disse que droga, eu também concordei, mas disse para vermos até onde ia. Foi indo até que me dei conta que estava excitado e ele também, sem muita vergonha tirou seu cacete pela lateral do short e começou a se masturbar, eu para não ficar para trás fiz o mesmo.Quando demos por nós estávamos curtindo o filme e com um tesão tremendo, foi quando ele me perguntou na brincadeira se não queria chupar seu pau , eu perguntei o que ganharia com isso e sua resposta foi mais que rápida, o mesmo!

Só sei que quando menos esperava ele já estava propondo me penetrar, o que na mesma hora neguei, mas ele insistiu sussurrando ao meu ouvido, e como ele é um cara muito discreto falei que iria tentar apesar de nunca ter feito aquilo antes, ele me garantiu que nunca contaria a ninguém e que depois poderia fazer o mesmo com ele.

Então ele se levantou e foi até o banheiro pegou uma camisinha e um óleo e quando voltou senti um pouco de remorso de ter topado, mas como já havia prometido cumpri. Ajoelhei debruçado no sofá ,ele colocou a camisinha passou o óleo no meu cuzinho fazendo movimentos circulares com o dedo, como estava passando no filme, e introduziu primeiro um depois dois e depois três dedos, eu me masturbava ao mesmo tempo em que isso acontecia, e para minha surpresa meu pau continuava teso, até que a hora fatal chegou, senti seu pau tocar meu anus e gelei, mas agora já era, e ele foi enfiando lentamente, centímetro por centímetro, com inúmeras paradas para que eu me acostumasse com o invasor.

Quando senti que estava tudo, pois senti seu saco bater no meu, pedi para que fizesse igual no filme, e ele fez, começou um vai e vem devagar aumentando gradativamente a intensidade. Eu nesse momento sentia que meu pau já não estava tão teso devido à dor que sentia quando ele enfiava tudo, é foda, mas como no filme o carinha dava numa boa, pensei comigo: porque eu não? Ainda mais que o rapaz do filme não tinha pinta nenhuma de bicha, mas doía pacas, até que ele gozou. Aí eu disse a ele, agora sou eu e ele falou vamos dar um tempinho para o tesão voltar, o dele né?

Sendo assim propus que puséssemos o outro filme com garotas para levantar a moral dele e eu poder completar o serviço, quando percebi que ele já estava com tesão de novo, comecei a passar a mão na sua bunda e ele disse se não podia deixar para outro dia, eu disse que era sacanagem, então ele topou meio a contra gosto e logo meti uma camisinha passei o tal óleo e fiz o mesmo ritual dele, primeiro com os dedos e depois com meu cacete, mas percebi que ele não estava nem um pouco a fim, mesmo porque sou mais dotado na grossura do que ele o que dificultava a penetração, mas mesmo assim insisti, pois meu tesão era tanto que não media as conseqüências, e fui indo até gozar, apesar dos pedidos dele de parar, coisa que não consegui atender devido o tamanho do meu tesão.

No entanto nós dois gostamos dessa experiência, que graças a um filme trocado, veio a acontecer. Agora estamos procurando algum carinha, que como nós não tenha pinta de viado, mas que queira dar pra gente, com total sigilo. Se você estiver a fim é só dizer, nós somos dois garotões cursando a faculdade,e poderemos estudar juntos na casa desse meu amigo. Deixe o seu recado...

Conto erótico recebido por email – autor anônimo

2 comentários:

Clementys 100ÇUAL disse...

meu msn garoto1911@bol.com.br

Anônimo disse...

ale.mexican@gmail.com

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget